Desafio: semanas 27, 28, 29 e 30 (03.07 a 30.07)

Faz tempo hein?! Voltando à programação normal: 31 álbuns e 32 filmes no mês de julho. Boa média!

Discos

De Lá Até AquiMóveis Coloniais de Acaju (2013)
Major ArcanaSpeedy Ortiz (2013)
Bright FlightThe Silver Jews (2001)
Tanglewood Numbers – The Silver Jews (2005)
The Arizona RecordThe Silver Jews ((1993)
Starlite WalkerThe Silver Jews (1994)
RepaveVolcano Choir (2013)
She Got Game – Rapsody (2013)
SleeperTy Segall (2013)
An ObjectNo Age (2013)
Where You StandTravis (2013)
What A Concept, A Salute To Teenage FanclubVários (2004)
Researching The BluesRed Kross (2012)
AM Arctic Monkeys (2013)
Kiss LandThe Weeknd (2013)
Nobody Knows Willis Earl Beal (2013)
Factory Floor Factory Floor (2013)
Hell BentPotty Mouth (2013)
Electric SlaveBlack Joey Lewis and the Honeybears (2013)
ProaTremor (2013)
Ages Ghost Wave (2013)
Run Fast The Julie Ruin (2013)
The Silver GymnasiumOkkervil River (2013)
Right Thoughts, Right Words, Right ActionFranz Ferdinand (2013)
Wise Up GhostElvis Costello and The Roots (2013)
Defend YourselfSebadoh (2013)
Days Are GoneHaim (2013)
Glow & BeholdYuck (2013)
Dirt Don’t Hurt – Holly Golightly & the Brokeoffs (2008)
You Can’t Buy A Gun when You’re Crying – Holly Golightly & the Brokeoffs (2007)
All This Sounds GasPreston School of Industry (2001)

Projeto do Spiral Stairs/Scott Kannberg, guitarrista da maior banda que existe, que começou depois que ela acabou lá no começo dos 2000’s. Este é o primeiro disco da banda, que lançou mais um em 2004, e é bem fodão. Resquícios de Pavement, claro, coisas que lembram o Wilco da época também, e umas músicas bem gigantes de boas, como essa aqui ó.

Filmes

Bottle Rocket – Direção: Wes Anderson (1996)
Rushmore – Direção: Wes Anderson (1998)
The Royal Tenenbaums – Direção: Wes AndersonTenenbaums (2001)
The Life Aquatic with Steve Zissou – Direção: Wes Anderson (2004)
Hotel Chevalier – Direção: Wes Anderson (2007)
The Darjeeling Limited – Direção: Wes Anderson (2007)
Fantastic Mr. Fox – Direção: Wes Anderson (2009)
Moonrise Kingdom – Direção: Wes Anderson (2012)
Se Enlouquecer Não Se Apaixone – Direção: Anna Boden e Ryan Fleck (2010)
Shut Up Play Hits – Direção: Dylan Southern and Will Lovelace (2012)
Iron Maiden: Flight 666 – Direção: Sam Dunn e Scot McFadyen (2009)
Eric’s Trip 1990 – 1996 – Direção: Rick White (2008)
Um Método Perigoso – Direção: David Cronenberg (2012)
Elena – Direção: Petra Costa (2012)
Get Shorty – Direção: Barry Sonnenfeld (1995)
Bride Kidnapping – Direção: Petr Lom (2004)
What’s New Pussycat – Direção: Clive Donner e Richard Talmadge (1965)
What’s Up Tiger Lily – Direção: Woody Allen e Senkichi Taniguchi (1966)
Take the Money and Run – Direção: Woody Allen (1969)
Play It Again, Sam! – Direção: Herbert Ross (1972)
Bananas – Direção: Woody Allen (1971)
Everything You Always Wanted to Know About Sex* (*But Were Afraid to Ask) Direção: Woody Allen (1972)
Sleeper – Direção: Woody Allen (1973)
Love and Death – Direção: Woody Allen (1975)
The Front  – Direção: Martin Ritt (1976)
Annie Hall  – Direção: Woody Allen (1977)
Interiors – Direção: Woody Allen (1978)
Manhattan  – Direção: Woody Allen (1979)
Somos Tão Jovens – Direção: Carlos da Fontoura (2013)
Minha Mãe é uma Peça  – Direção: André Pellenz (2013)
*Pavement – Slow Century  – Direção:  Lance Bangs (2002)

Documentário sobre a maior banda que existe, simples assim. Esse mês de julho dei uma de tiete, desavergonhadamente. Nem sei quantas vezes já vi esse doc.

Anúncios

II

Assisti à filmografia do Wes Anderson em uma semana. 8 filmes com uma marca cinematográfica bem definida, e boas histórias contadas. Meu preferido foi Moonrise Kingdom (2012). … e eu não sabia que o Owen Wilson era co-roteirista do cara em alguns, bacana.

………………………………………………………………………………………………………………………………….

Tem essa lista engraçadinha do Buzzfeed27 Problems Only Introverts Will Understand, me reconheci em todas as situações. Já fui mais introvertido, mas continuo uma pessoa quase antissocial.

………………………………………………………………………………………………………………………………….

Tenho ouvido muito essa banda canadense, Eric’s Trip, que está ali entre o Shoegaze, o Lo Fi e o 90’s Alt Rock. Muita, mas muita distorção mesmo; e muita melodia também, impressionante. Dá pra baixar a discografia (tem tudo nesse torrent, demos, shows EP’s, singles, vídeos e álbuns) aqui e ver aqui o filme todo editado pela banda, com imagens antigas de shows deles.

………………………………………………………………………………………………………………………………….

Tenho ouvido bastante também o Howdy!, sétimo disco de estúdio do Teenage Fanclub, lançado em 2000 – um clássico maior do pop mundial. Ouço essa aqui quase todo dia desde, sei lá, o mês passado, que letra incrível!, a melodia nem dá pra falar né, eles são reis; um mantra lindo no final, é ouvir essa música e tirar o peso do mundo das costas durante uns cinco minutos, sério, experimente! Nem dá pra falar muito sobre o álbum pois o Nick Hornby já disse tudo aqui.

…………………………………………………………………………………………………………………………………..

Falando no Hornby… não resisti e comprei a reedição do livro mais famoso do cara, recém lançada pela Companhia das Letras.

…………………………………………………………………………………………………………………………………..

Ah, também comprei essa jaguar. Liso, mas feliz.